O blogue sobre divulgação, promoção e cultivo de várias espécies de plantas frutíferas pouco comuns em Portugal.

Quarta-feira, 12 de Setembro de 2012

Mais uma forma de dar uso ás bagas de goji frescas é adicioná-las aos iogurtes. Podem ser misturadas com vários tipos de iogurte diferente: naturais, com aromas, com polpas de frutas, etc.

Neste caso é um iogurte com polpa de manga com algumas bagas inteiras bem maduras. A combinação ficou boa.

Por experiência própria, as bagas não devem ser apanhadas logo que ficam vermelhas porque deste modo têm um travo amargo e um pouco desagradável. Devem antes ser deixadas a amadurecer mais alguns dias e depois sim, bem vermelhas serão mais doces.

 

 
tags:
publicado por Marco Rebelo às 14:46
link do post | favorito

Boa tarde!

Tenho acompanhado o seu blog às uns dias e suscitou-me uma duvida, não sei se me sabe responder, mas já agora deixo aqui aq questão... Acha que é possível produzir comercialmente gojis em Portugal?


Miguel Santos a 14 de Setembro de 2012 às 15:49

Creio que sim. Pode ser uma oportunidade para quem já produz outros frutos de baga como mirtilos, morangos, framboesas, etc.
Portugal pode ter ainda pouco mercado por este ser um fruto ainda desconhecido, mas tal como acontece com os frutos silvestres, este pode ser um bom produto de exportação.
Marco Rebelo a 14 de Setembro de 2012 às 18:36

De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



mais sobre mim
pesquisar
 
contador de visitas
Setembro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
25
26
27
28
29

30


contacto

últimos comentários
Bom diaHá muito a dizer sobre esta temática
Obrigado pela informação, vou consultar.Abraço
Obrigado!Este blog surge com informações sobre goj...
Olá, Muito bom diadesde já quero felicitar pelo ma...
Muito obrigada 😘
subscrever feeds

blogs SAPO


Universidade de Aveiro