Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

BAGAS GOJI

O blogue sobre divulgação, promoção e cultivo de várias espécies de plantas frutíferas pouco comuns em Portugal.

O blogue sobre divulgação, promoção e cultivo de várias espécies de plantas frutíferas pouco comuns em Portugal.

BAGAS GOJI

24
Jul12

PHYSALIS: COLHEITA

Marco Rebelo

Tal como acontece com os gojis, os physalis começam também agora a amadurecer. A planta nasceu por acaso no quintal, foi transplantada para um vaso e depois novamente para o quintal.

É conveniente plantar estas plantas num sitio com muito sol e com algum espaço. São um tipo de plantas que crescem rapidamente, e em pouco tempo atingem uma altura considerável.

Á medida que os ramos crescem, têm tendência a tombar com o peso e acabam por ficar pousados no chão. Neste caso, e para evitar que as folhas, as flores e mais tarde os frutos se estragassem devido á humidade e a insectos, foram colocadas algumas estacas e fios para tentar suportar o peso dos ramos mais longos tentando com que ficassem suspensos.

Entretanto a planta floresceu, dando bastantes frutos. Passado algum tempo algumas das folhas maiores e mais antigas da zona inferior da planta começaram a amareleçer (o que parece ser um fenomeno normal), acabando por cair e expor os frutos ao sol, causando rápida secagem da capa de protecção exterior e facilitando o amadurecimento dos frutos.

 

Desde Abril até agora o pé de physalis teve um grande crescimento.
 
 
Quanto á produção comercial e por curiosidade, na Colômbia que é dos maiores produtores mundiais, a physalis é uma planta de cultivo bianual. Este é um país de clima subtropical onde não há ocorrência de geadas podendo assim a physalis ser plantada e colhida durante o ano todo. O mesmo já não se passa na europa que é uma região com um clima mais temperado.
Concretamente em Portugal, por haver invernos mais rigorosos com ocorrência de geadas, a physalis deixa de produzir nesta altura. É assim uma planta de ciclo anual, com produção sazonal (produz frutos apenas durante o verão).
O ciclo da cultura da physalis pode durar até dois anos após este período tanto a produtividade quanto a qualidade dos frutos diminuem.
 
Á medida que algumas folhas amareleçem e vão caindo, os frutos acabam por ficar expostos ao sol.
 
Physalis peruviana L.
 
Já temos frutos maduros. Vamos aproveitar para testar a receita das physalis cobertas com chocolate.
 
 Para acompanhar o chá ou o café. Bombons de physalis cobertos com chocolate é uma sugestão testada e aprovada!

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub